Header Ads

Caso Cabo Fátima - Ex-marido e ex-sogra são mortos em Mosqueiro

Cabo Maria de Fátima foi morta em abril de 2018, no bairro Curuçambá,  em Belém
Na noite desta quarta-feira (17), uma execução dupla chocou quem estava pelos arredores da ocupação Doroty I, localizada na rua da Corrente, no bairro de São Francisco, na ilha de Mosqueiro, distrito de Belém: mãe e filho foram assassinados dentro de casa. Segundo informações da Polícia Civil, os assassinos estavam em um carro que ficou rondando o local várias vezes até se certificarem que os alvos estavam na residência.

Eles desceram com duas armas de fogo e atingiram Mário Leite, 30 anos, que estava fora da casa e, na sequência, entraram no imóvel e balearam Iranir Leite Lobato, aproximadamente 60 anos, dentro de um dos cômodos. Vizinhos contaram que eles moravam na casa há apenas três meses. Mário era viúvo de Maria Fátima Cardoso dos Santos, a cabo PM Fátima, que foi assassinada em abril deste ano no bairro do Curuçambá, em Belém
Ele chegou a figurar como um dos suspeitos na época do crime. Três dias depois ele se apresentou na Divisão de Homicidios da Polícia Civil, em Belém, prestou depoimento e acabou liberado. Segundo informações da polícia, mãe e filho foram alvejados com tiros na cabeça. Os moradores da área contaram que ouviram pelo menos sete disparos. 
A mãe foi encontrada morta em um dos cômodos da casa
De acordo com moradores, Mário veio de Castanhal e é acusado de matar um traficante. Para a polícia, isso pode ter motivado o crime. Porém, eles comentaram que a área é extensa e muito perigosa, devido ao tráfico de drogas intenso. Como diz um ditado popular: "Esse angu tem caroço".
Fonte: DOL

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.